Masahiro Maruyama Archives | By The Eyewear
Masahiro Maruyama Eyewear

Uma forma nascida do diálogo com a imperfeição.

Para a maioria das pessoas o simples conceito de assimetria, aspereza, ou mesmo a imperfeição são absolutamente inconcebíveis. Vivemos em um mundo dominado pela plasticidade, por tendências da moda ready-made e com pouquíssima individualidade. No entanto, esta falta de diferenciação provou-se perfeita para que o designer japonês Masahiro Maruyama criasse obras de arte em Kawada na prefeitura de Fukuia no Japão.

Desde o lançamento de sua primeira coleção em 2011, o designer apresentou quatro linhas de óculos de sol e grau, todas desenvolvidas a partir do traço do desenho de Masahiro. Partindo dos ‘rafs’ ele criou volume com acetato e metal e deu vida a peças assimétricas, e deslumbrantes.

Eu entrevistei Masahiro durante a feira ótica do Mido, da nossa conversa vale ressaltar as inspirações por trás da coleção de 2016:

A composição por linhas retas. As linhas retas definidas pelos seres humanos formam uma base redonda antes de se tornarem linhas curvas. O design está na simplicidade das linhas retas. Eles dão uma expressão fresca aos óculos e a interpretação varia de pessoa para pessoa. Portanto é uma coleção de obra de arte de uma forma incompleta.

À primeira vista os óculos produzido por Masahiro parecem sóbrios ou mesmo sérios. A paleta de cores é muito discreta e elegante. Muito metal, preto e Bordeaux. A beleza, como dito anteriormente, está nos detalhes que fazem seu projeto destacar-se de todo o resto. Para apreciar seus designs deve-se inclinar, investigar a armação, como se faz em um museu ou uma galeria de arte. Nada deve ser interpretado a distância e seus óculos não podem ser tidos como simples, ou apenas “aquilo”, vão muito além.

Masahiro também trabalha com justaposição de cores e metais no que ele chama de “dentro para fora”. A delicadeza nos lembra, e é citada por ele, como associada à ténica japonês de arranjos florais, a  Ikebana . Mas mais do que simplesmente colocar flores em um recipiente, Ikebana é uma forma de arte disciplinada em que a natureza e a humanidade são reunidas. Contrariamente à ideia do arranjo floral perfeito, no qual a coordenação da cor desempenha um grande papel, Ikebana, muitas vezes enfatiza outras áreas menos exploradas da planta, tais como seus caules e folhas, ou, as imperfeições, dando vida e poesia a elas.

Os óculos de Masahiro são um respiro necessário à nossa cultura apressada, perfeccionista e plástica do Ocidente.

As melhores óticas de NY Parte 2

Voltei de mais uma temporada em NYC, desta vez literalmente vasculhando o que a cidade tem de melhor no quesito eyewear, e como de costume preciso atualizar nosso guide, com as lojas que você não pode deixar de conhecer.

Punto Ottico Humaneyes

Uma vitrine tímida no Upper East esconde segredos dignos de uma galeria de arte. A loja é intimista, a exposição dos produtos é cuidadosamente pensada e super bem ilumiados como em uma galeria. Tudo separado por COR! Também, pudera, as peças que lá estão não são nada menos que peças esculturais. O foco está nas marcas independentes, e em novas apostas. Por lá encontramos, por exemplo: Vava, Jacques Durand, Masahiro Maruyama, Theo, Veronika Wildgruber , dentre alguns outros selecionados a dedo. O atendimento é impecável. Sem pressa, sem baboseiras de formato de rosto e sem usar a palavra “tendência”!

Three Monkeys Eyewear

Super descolada esta loja no Soho foi um achado surpreendente. As peças são bem trendy, e a seleção é enorme. O mais bacana é que tudo fica organizado por shape!!! As marcas que forram as paredes são, por exemplo: 40 million, Komono, Super, Toms e a própria 3 Monkeys. Os valores também são bárbaros, sem contar que fica em uma rua deliciosa.

ArtSee

São dois endereços, um em NYC e um em Miami. A loja já virou sinônimo de bom gosto e exclusividade dentre os #SpecsAddicts. O select vai de LA Eyeworks a Oliver Goldsmith vintage passando por Kirk & Kirk e Blake Kuwahara. São poucas peças, todas super atuais e muitas delas especiais ou numeradas. O atendimento é sublime. Incido esta loja para quem quer uma peça específica e não consegue encontrar ou para quem está em dúvida e quer ver além. Julio vai te ajudar!

Anne Et Valentin 

Adoro entrar nas lojas da Anne et Valentin. Pouquíssimos produtos expostos e atendimento excepcional. Só após um bate papo é que o vendedor começa a mostrar as peças que se encaixam no seu desejo, ou na sua personalidade. Mas não pense que virão aviadores ou pantos. O mix de mercadorias é bem diversificado, com muitos shapes inusitados, metais, acetatos e coes vibrantes. Além de várias peças Anne et Valentin, as lojas também vendem Jean Philippe Joly, Kuboraum, Jacques Marie Mage e Theo.


Já assistiu?
Tem mais